Santuário

Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem

08h30

11h
18h
19h30
21h
07h
08h
18h15
07h
08h
18h15
07h
08h
18h15
07h
08h
12h15
18h15
07h
08h
12h15
18h15
07h
08h
18h15
Você está em:

A Congregação do Santíssimo Sacramento foi fundada por São Pedro Julião Eymard, em 1856, e tem como intuito maior a apresentação da Eucaristia e da hóstia consagrada. Ela coordena, através dos padres sacramentinos, a adoração perpétua e as atividades paroquiais desenvolvidas no Santuário Arquidiocesano de Adoração Perpétua – Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem.

Padres

Marcelo Carlos da Silva – Pároco da Igreja e Reitor do Santuário

Hernaldo Pinto Farias – Provincial da Congregação dos Santíssimo Sacramento – Província Nossa Senhora de Guadalupe

Jesus Neres de Souza – Vigário e Formador dos pré-noviços

Alejandro Fabian do Carmo – Vigário e Superior

Gregorio Dog – Vigário e mestrando

Congregação do Santíssimo Sacramento

A Congregação do Santíssimo Sacramento é um instituto religioso da Igreja Católica, fundada no ano de 1856, em Paris, por São Pedro Julião Eymard. “Nosso ideal é viver plenamente o mistério da eucaristia e revelar sua significação, para que venha o reino de Cristo e se manifeste ao mundo a glória de Deus” (Regra de Vida, n º 1). São Pedro Julião também fundou as Servas do Santíssimo Sacramento; um ramo laical e clerical de associados, Agregação do Santíssimo Sacramento. Movidos pela força eucarística os sacramentinos fundaram um ramo laical de instituto secular, o Servitium Christi. Trata-se de uma Congregação Apostólica, de direito universal (pontifício), composta de sacerdotes, diáconos e irmãos. Os sacramentinos estão presentes em vinte e nove (29) países, em todos os continentes. É organizada por Províncias e Regiões, com Governo Provinciais/Regionais e um Governo Central, em Roma (ver Cúria Geral).
A Congregação segue a Regra de Vida, atualização das Constituições de 1895, aprovada pela Santa Sé em 1984. O nome oficial da Congregação é “Congregatio Santissimi Sacramenti” e tem como sigla, que sempre segue depois dos nomes dos religiosos, SSS – Societas Santissimi Sacramenti.

Cenáculos e Apostolados. As casas religiosas ou conventos são chamadas de Cenáculos. A inspiração vem do santo fundador, São Pedro Julião Eymard. Ele desejava que cada Casa Sacramentina fosse testemunha do primeiro Cenáculo, aquela sala superior, preparada para celebrar a páscoa do Senhor.

A partir dos Cenáculos, os sacramentinos saem para espalhar o dom que receberam. O apostolado é rico, multiforme e fecundo: Paróquia, Santuário, Basílica, Serviço Social, dentre outros.

Província Nossa Senhora de Guadalupe

No início do século XX os sacramentinos chegaram nas terras latino-americanas. Primeiro no Chile; depois na Argentina e, finalmente, no Brasil. Foram organizadas as Províncias, sendo que, na Argentina-Chile conformou-se a Província Imaculada Virgem e, no Brasil, Santa Cruz. Depois de muita reflexão e estudos foi decidido unir as Províncias de Santa Cruz e Imaculada Virgem, sob o nome de Nossa Senhora de Guadalupe. O Capítulo de Unificação realizou-se no Brasil, na cidade de Belo Horizonte, em novembro de 2012.

Governo Provincial e Conselho:

  • Pe. Hernaldo Pinto Farias, sss – Superior Provincial
  • Pe. Jackson Frota, sss – Vigário do Provincial
  • Pe. Renivaldo Bruno, sss – Ecônomo Provincial
  • Pe. José Laudares, sss – Conselheiro
  • Pe. Rafael Cáceres, sss – Conselheiro

Para melhor realizar a sua missão, o mesmo governo constitui várias Comissões e equipes de trabalho. Visite o site dos sacramentinos e conheça melhor a sua história: www.sacramentinos.com